Rumo a flexibilidade

Pra uma pessoa que já fez ginástica olímpica e dançou durante anos se ver sem flexibilidade é uma tragédia. E isso é importante até pra carreira de atriz.  E no final do ano passado resolvi reverter essa história.
Lógico que achei que tava indo numa ilusão,  já que estava com dificuldade de fazer até as coisas mais simples,  nas aulas de dança via as meninas novinhas dando de 10 a 0 em mim. Mas estava/estou decidida.



Então,  peguei umas dicas com uma amiga bailarina e dei uma pesquisada sobre yoga, fiz um mix e
comecei a treinar diariamente.

As mudanças em um mês de treino me surpreenderam.

Lógico que ainda não estou nem perto do que quero, tenho um longo caminho pela frente. Mas ver as mudanças me motivaram ainda mais.

Tem dia que dá preguiça,  tem dia que dói muito e dá vontade de desistir. .. mas nada disso é maior que minha força de vontade.
Lembrando que temos que ir no nosso limite pra não rolar problemas futuros.


O que você acha de entrar nessa comigo?
Vou manter firme e forte aqui e vire e mexe mostrarei pra vocês a evolução.  Vai fazendo aí e me contando sua evolução também.  Vamos progredir juntas e darmos força pra ninguém desistir? Eu desafio vocês.  Bora lá galera. Por um 2015 flexível.





----------------------------------

Meu último vídeo


Instagram