Um recado pro meu eu.

Se eu pudesse dar um recado pro meu eu de anos atrás eu diria:

_Mulher, ame-se acima de tudo. Ama-se como se não houvesse amanhã, sem pudor, sem limites. Apenas ame-se.
Aprenda que sua própria companhia é a melhor que pode ter.
Não tenha medo da solidão.Você só estará sozinha se estiver sem você, sem porque..

Viva, não tenha medo do fracasso, não tenha vergonha do ridículo.
O que é o ridículo afinal?
Gargalhar sem limites?
Dançar na chuva?
Dançar sem música?
Imagina então dançar na chuva e sem música. 
Já passaria pra loucura, segundo... Segundo quem?
Quem impõe?
VOCÊ!
Você é dona da sua vida, do seu presente, do seu futuro.
Por isso viva ao máximo.

Se dê o melhor. Se dê o melhor sempre.
Porque ninguém vai fazer isso por você. Ou quase ninguém.
Aprenda que as pessoas não são perfeitas, mas que isso não é desculpa. 
Elas não podem te fazer mal.
Você vai permitir isso?
Se imponha mulher.
Caia fora.
Você merece ser feliz.

Você sabe o que é melhor pra você, eu sei que sabe.
As pessoas riem quando você fala dos seus sonhos?
Ria também. Ria de felicidade.
Olha você realizando seus sonhos.
Não falei?

O mundo é seu.
Faça dele o melhor. O melhor pra você. O seu melhor. 

Seja feliz!


Texto de Luana Nasck

Esse texto pode ser usado para monólogo, desde que, seja apresentado o crédito da autora do mesmo.




Instagram